Negociações entre pediatras e planos começam
a avançar


 
A presidente da Sociedade Sergipana de Pediatria, Glória Tereza Lopes, afirmou na manhã da última quarta-feira, 26, que as negociações com os representantes dos Planos de Saúde estão avançando. Insatisfeitos com os valores pagos pelos planos por consultas [de R$ 30 a R$ 38], os pediatras decidiram suspender o atendimento na última segunda-feira, 24, por um período de 15 dias. As conversas foram iniciadas e a expectativa é de que a categoria volte a atender antes do prazo estabelecido.

Os pediatras lutam por R$ 80 por cada consulta [valor que já vem sendo pago pela Petrobras]. "Nós estamos começando a conversar com os planos e graças a Deus eles estão atendendo aos nossos chamados. A proposta inicial é de R$ 80, mas estamos negociando. A Unidas chegou aos R$ 60, o Bradesco está chegando a R$ 65 e nossa expectativa é de que antes do prazo de 15 dias, a situação esteja resolvida", acredita a Drª Glória Tereza.

A categoria lamenta estar há mais de cinco anos sem reajuste, enquanto os Planos de Saúde aumentam as mensalidades. A decisão dos pediatras em suspender o atendimento foi tomada com a finalidade de resolver a situação que pode levar a um descredenciamento coletivo. Está suspenso o atendimento aos planos Amil, Blue Life, Capitania dos Portos, Cohidro, Deso, Fusex, G. Barbosa, Gama, Geap, Golden Cross, Hapvida, Medservice, Norclinicas, OAB, Plamed e Sul América.


Fonte : Aldaci de Souza - Infonet

 
CBO TV
FeCOOESO 2006
Praia do Flamengo, 66 - Bloco B/sala 303 - Rio de Janeiro, RJ - CEP: 22210-030 - Tel./Fax (21) 2556-5803