CFM faz alerta sobre a assinatura eletrônica dos
médicos


 
O Conselho Federal de Medicina (CFM) recomenda aos médicos de todo o país aguardarem a definição de calendário e dos procedimentos de disponibilização da certificação digital (assinatura eletrônica) com código de CRM para os profissionais da categoria, conforme previsto na Resolução CFM nº 1.821/07.

Todas as providências estão sendo tomadas para garantir aos inscritos nos Conselhos Regionais de Medicina o mais rápido possível o acesso à nova ferramenta. Um grupo de técnicos e especialistas que acompanham a implementação do projeto têm trabalho ativamente sobre o tema. Em breve, informes atualizados serão repassados à categoria.

A cautela é necessária diante da oferta no mercado de assinaturas deste tipo que não atendem aos requisitos previstos no Manual de Certificação para Sistemas de Registro Eletrônico, elaborado pelo Conselho Federal de Medicina e pela Sociedade Brasileira de Informática em Saúde (SBIS).

Em breve, o Conselho Federal de Medicina passará a atuar como entidade certificadora dentro dos padrões ICP-Brasil. A disponibilização da certificação digital para os profissionais médicos será instrumento fundamental para o desenvolvimento e a implantação dos prontuários eletrônicos nos estabelecimentos de saúde.

Essa nova forma de armazenamento de dados, uma exigência da legislação, passará a ser realizada segundo critérios mais rigorosos de confidenciabilidade e de segurança, o que trará ganhos, sobretudo, para a população.


Fonte: CFM, 24/11/2009

 
CBO TV
FeCOOESO 2006
Praia do Flamengo, 66 - Bloco B/sala 303 - Rio de Janeiro, RJ - CEP: 22210-030 - Tel./Fax (21) 2556-5803